Quanto tempo um bebê precisa para aprender um segundo idioma?

Quanto tempo um bebê precisa para aprender um segundo idioma?

Com treinos diários de uma hora durante quatro meses um bebê pode conseguir aprender uma segunda língua.

Conhecer dois idiomas está comprovado como sendo o responsável pela melhora nas habilidades cognitivas em bebês e crianças, especialmente as habilidades relacionadas com a resolução de problemas. Para os bebês criados em lugares bilíngues a aprendizagem ocorre sem esforço, mas um estudo recente assinala que os bebês de lugares monolíngues também podem adquirir um idioma em pouco tempo.

Segundo um estudo realizado por pesquisadores do Institute of Learning & Brain Sciences, da Universidade de Washington, os bebês entre 7 e 33 meses podem aprender um segundo idioma, como o inglês, com apenas uma sessão por dia, durante 18 semanas. Para comprovar esta pesquisa, foi colocado em prática um método que enfatiza a interação social, os jogos, e a forma de linguagem dos professores, que falavam com as crianças da mesma forma que os pais falam com os bebês, ou seja, com uma gramática simples, e um tom de voz mais alto e exagerado.

O experimento comparou estas sessões com as recebidas por crianças da mesma idade em escolas de Madrid, na Espanha, em programas bilingues convencionais. Foi colocado um aparelho gravador preso a cada bebê para registrar quantas palavras e frases cada criança falava por dia.

As crianças que receberam o novo método de aprendizagem mostraram um rápido aumento na compreensão e produção do novo idioma, melhorando significativamente em comparação aos demais. Ao final das 18 semanas as crianças que faziam parte da pesquisa produziram uma média de 74 palavras ou frases em inglês por hora, enquanto que o restante foi de apenas 13. Isso demonstra para os pesquisadores que, apesar das idades equivalentes, as crianças de lugares monolíngues também puderam desenvolver habilidades bilíngues em um curto espaço de tempo, o que fez com que os pesquisadores recomendassem que fosse revisada a forma em que focamos a aprendizagem de línguas estrangeiras em escolas e centros de idiomas no mundo.

Nesse sentido, as pesquisas realizadas 18 semanas mais tarde demonstraram que as crianças que utilizaram o novo método tinham absorvido melhor o que tinham aprendido. Paralelamente a isso, o nível do idioma nativo das crianças foi crescendo a seu ritmo, sem que fosse influenciado negativamente pela introdução de outro idioma.

Patricia Kuhl, uma das autoras do estudo, considera que “os cérebros dos bebês são as melhores máquinas de aprendizagem que existem. Seu cérebro nunca será tão bom para aprender uma segunda língua que entre os 0 e 3 anos de idade. Portanto, criar um ambiente de aprendizagem bilíngue cedo em um determinado contexto educativo pode fazer com que a criança aprenda um segundo idioma de uma maneira mais fácil do que pensávamos, e isso é possível para todos”.


Original: ¿Cuánto tiempo necesita un bebé para aprender un segundo idioma? (em espanhol)