15 palavrões em espanhol para você insultar com estilo
palavrões e impropérios em espanhol

15 palavrões em espanhol para você insultar com estilo

Há quem diga que o espanhol é o idioma mais rico em insultos e ofensas. Isso não podemos afirmar, mas certamente é uma pena que acabamos ouvindo sempre os mesmos. Insultos em espanhol, originais, inteligentes, mais ou menos agressivos, não faltam! E além disso, um pouquinho de variedade em seu repertório de impropérios será útil em algum momento.

Nosso objetivo não é outro senão ampliar o léxico espanhol, ainda que neste caso seja uma série de insultos cultos e seus significados. Não aprovamos seu uso, mas não é demais conhecê-los.

Fantoche

O mesmo que ridículo, grotesco. Segue sendo utilizado com o sentido de petulante, altanero (arrogante), pretensioso. Na Colômbia refere-se a uma pessoa ostentosa, que aparenta ser o que não é.

Mamerto

O mesmo que “de pocas luces“, idiota, bobão, imbecil, de escassa inteligência. No México refere-se a uma pessoa irritante: Ese pibe es un mamerto (Esse rapaz é um bobão).

Zurumbático

O mesmo que lelo, atontado, lento, pasmado, aturdido, ou seja, “atordoado”. Este termo tem origem no português “sorumbático”, “aquele que é sombrio, macambúzio, triste”, deriva de “sombra”, em espanhol sombrío, melancólico.

Mangurrián

O mesmo que poco civilizado, asilvestrado. Refere-se a alguém “pouco inteligente” e desajeitado ou bruto. É um sinônimo para preguiçoso, madraço, buenoparanada, aquele que não se empenha em suas atividades, que é dado ao ócio; mandrião, preguiçoso ou vadio.

Zurcefrenillos

Aquele que é insensato, tolo.

Petimetre

Aquele se preocupa muito em seguir as modas e manter a compostura, postureador profesional. Em português, o mesmo termo para referir-se a um homem excessivamente preocupado com sua aparência, um indivíduo que se veste com apuro excessivo; peralta, peralvilho.

Verriondo

Alguém sempre excitado sexualmente. O termo originalmente refere-se a animais quando estão no cio.

Carcunda

De ideias retrógradas. Posição, aparência, ou a atitude posterior, para trás, carca ou retrógrado, utilizado como adjetivo e substantivo depreciativo (também carcundia). Designa aquele que tem atitudes inversas, egoístas, desfavoráveis, muito conservadoras e ultrapassadas na política ou em outras áreas da vida.

Zascandil

Pessoa que vai de um lado ao outro sem fazer nada de útil. Pode se referir a uma pessoa de pouca formalidade, inquieta ou até mesmo “enganadora” e “astuta”.

Crapuloso

O mesmo que sinvergüenza, ou seja, “sem vergonha”, dado à devassidão, à libertinagem; devasso.

Baldragas

Pessoa preguiçosa, sem energia. Baldragas, só de ouvir o som desta palavra dá vontade de utilizar. Tem força, poder, presença. Seu significado é o de menos.

Cagalindes

Pessoa covarde, melindrosa, medrosa, que não é dada a correr riscos nem a aventuras.

Casquivano

Aquele que não tem formalidade em suas relações sexuais. Se bem que há quem possa dizer que isso nem mesmo seria uma ofensa nos dias atuais.

Mamacallos

Homem tolo, covarde, medroso, fraco, pusilânime. Diz-se ao indivíduo fraco de ânimo, de energia, de firmeza e de decisão.

Bultuntún

Aquele que só fala bobagens.

Diante de uma língua tão rica, como a língua espanhola, não vale a pena utilizar sempre os mesmos argumentos, porém é preciso muito cuidado quanto ao uso do vocábulo. Afinal de contas, como diz um famoso provérbios, a palavra pronunciada, a flecha lançada e a oportunidade perdida não voltam.


Fontes: 10 antiguos insultos en castellano que no deberían caer en el olvido

Aprender Espanhol